Seja uma Bênção!

Certo dia, um dos servos de Nabal  ” anunciou a Abigail, mulher de Nabal, dizendo: Eis que Davi enviou mensageiros desde o deserto a saudar o nosso amo; porém ele os destratou …

 Todavia, aqueles homens têm-nos sido muito bons, e nunca fomos agravados por eles, e nada nos faltou em todos os dias que convivemos com eles quando estavam no campo.” (1 Sm 25.14-15)

“Considera, pois, agora, e vê o que hás de fazer, porque o mal já está de todo determinado contra o nosso amo e contra toda a sua casa, e ele é um homem vil, que não há quem lhe possa falar.” (1 Sm 25.17)

Abigail, sem avisar Nabal, pegou boa quantidade de alimentos e pôs sobre jumentos e“… disse aos seus moços: Ide adiante de mim, eis que vos seguirei de perto.” (1Sm 25.19)

“Vendo, pois, Abigail a Davi, apressou-se, e desceu do jumento, e prostrou-se sobre o seu rosto diante de Davi, e se inclinou à terra.” (1Sm 25.23)

Abigal humildemente admitiu o erro que seu marido cometeu e intercedeu pela vida do mesmo.  Posteriormente,  abençoou Davi e o lembrou que um servo de Deus como ele não deveria pecar tirando a vida de alguém. 1

Davi foi imperfeito como qualquer outro ser humano. Porém, ele possuía o temor do Senhor, que o fazia se converter de seus maus atos e pensamentos. 2

“Então Davi disse a Abigail: Bendito o Senhor Deus de Israel, que hoje te enviou ao meu encontro.

E bendito o teu conselho, e bendita tu, que hoje me impediste de derramar sangue, e de vingar-me pela minha própria mão.

Porque, na verdade, vive o Senhor Deus de Israel, que me impediu de que te fizesse mal, que se tu não te apressaras, e não me vieras ao encontro, não ficaria a Nabal até a luz da manhã nem mesmo um menino.” (1 Sm 25.32-34)

Existem situações em nossa vida que exigem atitudes imediatas e bem discernidas, evitando precipitações que podem ocasionar resultados indesejados.

“As palavras dos ímpios são ciladas para derramar sangue, mas a boca dos retos os livrará.” (Pv 12:6)

O caráter humilde desta mulher e o temor a Deus também foram essenciais para o sucesso de sua intercessão pela vida de seu marido. 3

Abigail contou a Nabal tudo no dia seguinte quando a embriaguez dele já havia passado. Esta mulher esperou o momento oportuno, ou seja, no qual ele estivesse lúcido para conversarem  sobre todo o ocorrido.

Abigail foi uma mulher temente ao Senhor que salvou a vida de seu impiedoso esposo de forma sábia e prudente. Esta história demonstra que Deus age na vida de pessoas que não o servem mediante a intercessão dos servos dEle.

Esta intercessão exigiu uma postura ativa e humilde de Abigail, ensinando que existem situações nas quais o Senhor espera que saiamos da nossa “zona de conforto” e negando nós mesmos para que alcancemos as nossas petições.

Abigail foi uma fonte de bênção para seu marido, seus servos e para Davi, evitando que este pecasse.

Peçamos ao Espírito de Deus que nos dê discernimento para conheçamos qual as suas vontades para nossa vida! Que Ele nos ensine como, quando e onde devemos agir!


O temor do Senhor é o princípio da sabedoria, e o conhecimento do Santo a prudência. (Pv 9.10)


 

A paz do Senhor!

 

Referências:

  1. 1 Sm 25.24-31
  2. 2 Sm 12.7-9; Pv 2.1-5
  3. Pv 14.27

 

 

FacebookTwitterGoogle+Compartilhar

Publicado por

Gisele

" É necessário que Ele cresça e que eu diminua." (Jo 3.30)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *